Busca:
home
linha
institucional
História da Câmara
Legislaturas
Funcionários
Ordem do dia
linha
vereadores
Galeria de Presidentes
Mesa diretora
Comissões
Vereadores
Fale Conosco
linha
Servi�os
Moções
Diário Eletrônico
Tramitação de Projetos
TV Web
Licitações
Legislação Municipal
Prestação de Contas
Notícias
Agenda
Requerimento
Indicações
linha
congonhas
História
Arte Religiosa
Lazer
Mestre Aleijadinho
Barão de Paraopeba
Barão de Eschwege
Os Profetas
Passos da Paixão de Cristo
Barão de Congonhas
Arcebispo Dom Silvério
Cônego Luís Vieira
Zé Arigó
Festas
Hino
Símbolos Municipais
Notícias
linha
Home / Serviços / Notícias
seta
1ª Câmara Cidadã do ano foi muito bem sucedida em Santa Quitéria
1ª Câmara Cidadã do ano foi muito bem sucedida em Santa Quitéria

Realizou-se em Sta. Quitéria, dia 27 de abril, a primeira reunião do programa Câmara Cidadã, do ano/ 2017, instituída através da Resolução n° 380/2015. Esta Sessão Comunitária, extensão da Câmara Municipal de Congonhas têm como objetivo a aplicação de benfeitorias, nas áreas de meio ambiente, educação e saúde, bem como formulação de políticas públicas ao cidadão, como beneficiário direto de leis e ações do Município. Esta sessão itinerante do Legislativo desloca-se para diversos bairros, localidades e/ou distritos do município, em dias e horários, previamente divulgados, com a presença dos ilustres: Vereadores, sociedade, representantes do Executivo e empresas correlacionadas para discussões pertinentes a comunidade local. As solicitações geradas nestas reuniões serão encaminhadas de forma documental ao Executivo e será aplicada desde que em condições para tal, às ações de melhorias para a comunidade; dentro das fiscalizações constantes e legítimas dos Vereadores - elo direto entre a sociedade e o Chefe de Governo.

 

Compuseram a mesa do diálogo: os Vereadores - Presidente da CMC - Dr. Adivar Geraldo Barbosa; Cida Penido; Lucas Santos Vicente; Nilton Ramalho e Patrícia Fernandes Monteiro. Convidados do Executivo: Secretário de Gestão Urbana - Sandro Cordeiro; Secretária de Obras - Rosemary Ap. Benedito; Secretário Adjunto da Educação - Thales Gonçalves Costa, junto a Diretora da Escola de Sta. Quitéria - Ivana Alves Faria, a vice- presidente da Associação de Sta. Quitéria - Aline Alves e o Tenente Rezende. A Guarda Municipal esteve presente.

 

As reivindicações da comunidade foram: vazamento de água e má distribuída da mesma; falta sinal de telefonia; instalação de abrigo nos pontos existentes; pouco horário do lotação; ônibus sucateados, precisando de novos; instalação de lixeiras nas vias públicas; iluminação na ponte; conclusão do asfaltamento da Rua Santa Luzia; término do meio fio, no beco da clínica de recuperação; limpeza da quadra de esportes e poda das árvores; criação de uma sala comunitária, com internet e máquina de impressão; criação de projetos para as crianças - futebol, ballet e outros; disponibilização de um clínico geral e mais pediatras durante o dia e mais policiamento, na estrada, de acesso ao local.

 

Moradores de Sta. Quitéria: Helton Antônio Xavier falou que não falta água no local e sim que ela é mal distribuída e que este é um problema causado pela má gestão da COPASA; sobre a água que escorre da quadra inundando duas casas e o dilema das 10 fichas que é liberado para consulta no Posto de Saúde. Sebastião Paraná disse que falta iluminação no cemitério. Robson Soares Cruz e João Diniz Soares pediram explicações sobre o Passe Estudantil; Joao Luiz Reis comentou sobre a má qualidade da água. Claudia Paula Soares falou sobre problemas das calhas. Falaram também – Ana Ester Alves Soares; Maria da Conceição Alves e Vania Ap. Soares de Paula.

 

Aline Alves disse sobre o problema da bomba da água, que as pessoas ficam até 30 dias sem ela; reclamou do posto, que não atende todas as pessoas. Pediu uma capela velório, pois usam um salão como festa, missa e velório. Afirmou ao Thales Costa, que Ana Paula - pedagoga não trabalha na escola de Sta. Quitéria. Pediu uma Sala Recurso, para alunos com suporte de uma professora e um quebra mola em frente à escola. Convidou a todos para inauguração do asfaltamento, dia seis de maio, em Sta.Quitéria.

 

André Candreva funcionário da Câmara lembrou a Aline Aves, que o CAC da CMC oferece serviços de internet popular para alunos efetuarem suas tarefas escolares, de 2° a 6° feiras, de 7h às 18h e outros serviços sociais, que estarão atuando em breve.

 

Ivana Faria em contrapartida ao comentário de Aline sobre a ausência de uma pedagoga complementou que apesar de não ter, conta com o apoio e suporte total da Secretaria de Educação com uma pedagoga que vai até a escola, caso e que fazem constantes visitas. Diz que a pedagoga solicitada interfere na situação e o problema é resolvido. No entanto a comunidade pedi uma “pedagoga física” na escola, que atenda as famílias de prontidão.

 

Dr. Adivar respondendo a um morador, disse que será encaminhado ao Executivo, os problemas do PSF da comunidade e todos os outros. Agradeceu a todos da Comissão da Câmara Cidadã, aos representantes do Executivo, ao Tenente Rezende e comunidade. Parabenizou Aline pela sua atuação. Disse: “é uma honra muito grande da Câmara vir até aqui, em Sta. Quitéria, estar frente a frente para ouvir as reivindicações da comunidade. Estamos vendo em Sta. Quitéria, o que o Governo está fazendo coisas que nunca se pensou em fazer. E agora... Sta. Quitéria recebe este asfalto. Imaginem vocês o progresso. Isso é política pública. O vereador é o representante de vocês que nos dão procuração em branco na Câmara. Não adianta xingar o político, tem que cobrar dele, porque nós só vamos resolver o problema desse país é na política. Ano que vem tem eleição e nós temos que votar. As portas da Câmara estão abertas; cobrem e deem ideias também,não só criticar, mas precisamos de ideias.” Disse que as reivindicações serão catalogadas, com assinatura de todos os vereadores e encaminhadas ao Governo.

 

Vereadora Cida Penido disse que era um prazer estar de novo em Sta. Quitéria, disse: “nesta comunidade tão importante para nossa cidade e estamos aqui para isso, para responder aos questionamentos de vocês. O nosso trabalho é esse.” Ver. Cida está na torcida pelo projeto PROERD e disse que foi ela quem pediu que voltasse com o programa. “Estou muito feliz, vocês foram contemplados com asfalto de primeira qualidade...o qual tive a honra de homenagear Alice Maria de Carvalho”...na rua asfaltada. “vocês foram contemplados com a primeira reunião itinerante e em breve será inaugurada a estrada de Sta. Quitéria. Estou disponível no meu gabinete 3731- 2200 e podem contar conosco pro que der e vier.”

 

Vereador Lucas Bob cumprimentou a todos, parabenizou a Comissão da Câmara Cidadã pelo empenho e estrutura montada para a reunião e também as pessoas presentes da comunidade: "e falar para a população que é muito importante esta participação com o Legislativo, porque é através da participação popular que a gente atinge resultados, que a gente cobra do nosso poder Executivo, assim como no Legislativo, os resultados para a comunidade...os vereadores tem o papel e o dever de levar as demandas, para cobrar do Executivo estas melhorias." Parabenizou Aline pelo empenho.

Vereador Niltinho da Policlínica cumprimentou a todos, disse: “estamos aqui hoje representando a Câmara e estamos aqui à disposição de todos. Foi muito importante chegar aqui e ouvir as reivindicações da comunidade e coloco meu gabinete a disposição de cada um de vocês, se assim for necessário.”

 

Vereadora Patrícia disse ter ficado muito feliz por estar em Sta, Quitéria. Disse estar sempre presente nas festas da localidade: “este contato é muito bom, a gente sabe das dificuldades que as pessoas tem de irem a Câmara, mas tenho certeza, que com esta união... estas cobranças chegarão ao prefeito, pois todo mundo junto é mais forte.” E convidou Aline para compor a mesa, fez elogios a ela sobre seus pedidos, justificando que a cobrança é necessária. Comunicou que está fazendo um trabalho junto às escolas, dentro da Comissão de cultura e que fará mais contato.

 

Rosemary Benedito em resposta disse que o problema da caneleta e escapamento de água será providenciado e caso seja necessário será feito licitação. Disse que fará limpeza na quadra de esportes, recuperará o piso, colocarão banquinhos, lixeiras nas ruas e avaliará a possibilidade de pinturas nos abrigos de ônibus. Justificou que algumas obras têm problemas com empresas que ganham a licitação; que se apresentam corretas, mas que no decorrer da obra, mostram problemas financeiros e de documentações, acarretando transtornos para a finalização da obra em curso.

 

Sandro Cordeiro afirmou que a Viação Profeta terá novo itinerário de Sta, Quitéria a Congonhas. A partir do dia 08 de maio, as lotações passarão de 2° a 6° feiras, nos horários de 5h20, 8h30, 11h50, 14h30, 16h, 17h35, 20h, 22h e 23h; os horários de 5h50 e 10h50 passarão por Plataforma; aos sábados, somente as 6h15, passaram por Plataforma; domingos e feriados passarão todos pela estrada nova. Dois ônibus novos estão chegando para a localidade e os demais estarão mais limpos e tem vida útil menor que 12 anos, o que é positivo. Será feita a iluminação da ponte. Segundo Sandro o projeto de licitação está encaminhado para tratamento de água para vários bairros, inclusive Sta. Quitéria e faz negociação constante com a COPASA, apesar de a mesma dizer que seus recursos estão escassos.

 

Thales Costa disse que o PAVE é um programa do Governo e que foi criado para subsidiar alunos que estudam fora de Congonhas. O Passe Estudantil foi criado para atender alunos dentro do município. Explicou que as responsabilidades de viabilização dos recursos são: o ensino fundamental é do Município; o ensino básico é do Estado e o ensino superior é do Governo Federal, existindo, às vezes, intervenção entre um e outro. Falou que a escola de Sta. Quitéria sempre se destacou em concursos de projetos ou captação de verbas. Disse que Ana Paula estaria apta para atuar como pedagoga no local e que houve reforma recente na escola. Afirmou que haverá empresa especializada para atuar nas demandas crônicas de manutenções e que ela (escola) tem mais funcionários efetivos, que as outras, em relação à proporção de alunos. Em relação à cobertura da escola admitiu que fosse prudente uma emenda, com solicitação dos vereadores para com deputados de suas relações, que tiveram ou terão votação expressiva em Congonhas, em parceria com a prefeitura, para os recursos necessários. Sobre a travessia elevada em frente à escola disse que olhará a viabilidade e funcionalidade da mesma.

 

Tenente Rezende começou dizendo que a região não tem um canal direto de telefonia, fato grave e que seria interessante também a instalação de uma rádio comunitária, para se comunicarem com a PM e com tropa de 46 militares atuam nos mais diversos serviços e se utilizam do projeto PROERD - programa da PM de repressão às drogas. Trabalham em parceria com as escolas fazendo palestras e mostrando vídeos educacionais e preventivos, como da Baleia Azul. Falou que além do 190, existe o Disque Denúncia 181 com sede em BH e mediante o contato é gerado um documento, que em 30 dias o cidadão terá o retorno, com sigilo absoluto, ligação gratuita e senha para identificação do processo. Afirmou que irá aumentar o policiamento na comunidade e que a Companhia independente da PM está disponível para qualquer eventualidade, na Rua Padre Mateus Palmieri, 95, Praia.

 

Fonte: Rita Cordeiro/ Assessoria de Imprensa/CMC

topo
voltar
linha
CÂMARA MUNICIPAL DE CONGONHAS
Rua Dr. Pacífico Homem Júnior, 82, Centro - Fone: (31) 3731-1840
Why Digital - 2009
Congonhas - Minas Gerais - Brasil
congonhas@camaracongonhas.mg.gov.br