Busca:
home
linha
institucional
História da Câmara
Legislaturas
Funcionários
Ordem do dia
linha
vereadores
Galeria de Presidentes
Mesa diretora
Comissões
Vereadores
Fale Conosco
linha
Servi�os
Moções
Diário Eletrônico
Tramitação de Projetos
TV Web
Licitações
Legislação Municipal
Prestação de Contas
Notícias
Agenda
Requerimento
Indicações
linha
congonhas
História
Arte Religiosa
Lazer
Mestre Aleijadinho
Barão de Paraopeba
Barão de Eschwege
Os Profetas
Passos da Paixão de Cristo
Barão de Congonhas
Arcebispo Dom Silvério
Cônego Luís Vieira
Zé Arigó
Festas
Hino
Símbolos Municipais
Notícias
linha
Home / Serviços / Notícias
seta
Prefeito Zelinho participa da sabatina da CMC
Prefeito Zelinho participa da sabatina da CMC

Reuniu-se a Câmara Municipal de Congonhas, para a 8ª Reunião Ordinária, da Sessão Legislativa, dia vinte e oito de março de 2017, presidida pelo Vereador Adivar Geraldo Barbosa e secretariada pelo Vereador Eduardo Cordeiro Matosinhos. Exmo. José de Freitas Cordeiro (Zelinho) - Prefeito Municipal de Congonhas se pronunciou a respeito de seu governo, das obras realizadas e das que estão por vir, além de responder aos questionamentos dos parlamentares como: Hospital Bom Jesus; revitalização de igrejas, Cine Teatro Leon; matadouro; execução da praça de eventos; demandas de obras entre outros. O prefeito desabafou dizendo que foi questionado em Conselheiro Lafaiete quando disse que o Sine de Congonhas deveria dar prioridade as vagas de emprego para moradores da cidade e que até agora não houve denúncias do Executivo. A maior parte dos vereadores pediu ao prefeito maior diálogo entre Executivo e Legislativo e um Líder de Governo.

 

O Presidente do Legislativo – Adivar Geraldo Barbosa encaminhou as discussões em plenário e priorizou o direito a fala do prefeito Zelinho que foi questionado sobre várias vertentes de seu mandato. Somente ao final disse que um morador pediu avaliação de sua casa; admitiu não estar havendo sintonia entre Legislativo e Executivo em alguns pontos e comentou que existe necessidade, o mais rápido possível de designar um líder de Governo, para a Casa. Suspendeu a reunião por 5 min. e prorrogou para mais 30 min. Anunciou que será publicado na portaria da CMC, até 31 de julho, o prazo de entrega dos Projetos de Decreto, referentes à cerimônia de Honra ao Mérito e Cidadania Honorária.

 

Vereadora Cida Penido lembrou que requereu a presença dos interventores do Hospital Bom Jesus, na Comissão Permanente, dia três de abril, às 15h30. Pediu informações em forma de ofício, para a Prefeitura de Conselheiro Lafaiete/MG sobre quais seriam os critérios das empresas, em relação a vagas e contratação, através do Sine e como funciona também o critério do Sine em Congonhas. Ver. Cida disse novamente que lamenta a demissão de uma funcionária que tinha tempo de casa e que conhecia bem o serviço do Hospital Bom Jesus.

 

Vereador Evandro Alves de Almeida (Pastor Evandro) comentou na reunião que fica feliz por saber que Congonhas tem avançado em 27 anos, mas faz uma ressalva em relação ao número de requerimentos que são feitos e encaminhados ao Executivo, em torno de 40, em cada reunião, assim como 22 indicações e que poucos são respondidos a contento e que em sua opinião, se o governo resolvesse isso não haveria problema. Parabenizou o Governo do Zelinho.

 

Vereador Eduardo Cordeiro Matosinhos desabafou: “É uma honra tê-lo(Zelinho) aqui e quero fazer uma reflexão e esclarecer algumas coisas. Primeiro fui adversário político do Exmo. Prefeito e foi uma honra pela seriedade que você trás no seu histórico...Fica o alerta, tem muita gente que coloca o vereador como bandido. Isso é uma infelicidade, porque seu governo merecia algo melhor...Tem pessoas que não são merecedoras de vestir a camisa de Congonhas...Tem secretário olhando para o vereador com desdém...e está na contramão do que o governo representa. Anivaldo Coelho deixou 80% de obras acabadas e gostaria que no plano de governo fosse deixado 800 mil reais para as associações e que o trabalho fosse continuado e fiscalizado...Esse movimento de manifestação é bem vindo, mas tem gente que vem na carona de vocês, pra falar mal de vereador e não tem moral pra falar de nós, com transparência e legalidade...Zelinho merece mais...Internet é terra de ninguém...visto a camisa do orgulho, da transparência e de Congonhas.”

Vereador Edonias Clementino adiantou que muitas vezes, recebe respostas vazias de seus requerimentos e indicações. Falou de forma saudosa sobre a ex- Secretaria de Obras de Nivaldo Dutra. Admitiu e fez coro a fala do Ver. Eduardo e disse: “a Casa está um barril de pólvoras”. Questionou se o PHS vai ter espaço no seu Governo.

 

Vereador Feliciano Duarte Monteiro fez comentários sobre os matadouros da cidade e segundo sua observação alguns carecem de maior fiscalização sanitária. Fez várias visitas ao matadouro de Lobo Leite e acredita que os moldes da Legislação parecem estar errados. Concluiu: “haja vista que os problemas da carne são de conhecimento da cidade”. Quer informações do Executivo sobre gastos referentes aos matadouros e como tem sido o funcionamento dos mesmos. O Prefeito disse que o projeto do matadouro ficou inviável e que o governo ira terceirizar, com licitação, contudo que esta situação não é de responsabilidade da Prefeitura.

 

Vereador Igor Jonas Souza Costa solicitou relatório financeiro do Hospital Bom Jesus desde o começo da participação do grupo de interventores, para averiguações sobre admissão e demissão, se é da empresa Laborare ou não e esclarecimentos sobre convênio de médico que não foi renovado; além de contratos com empresas e suas despesas. Pediu ainda sobre o hospital, atenção especial por uma funcionária que trabalhava há 20 anos e foi demitida e quando foi feito auditoria no local, após intervenção. A respeito dos vigilantes da área da saúde solicitou informações sobre processo de licitação. Sobre secretariado, Ver. Igor disse insatisfeito pelo comentário feito na rádio com seu nome e que o secretário neste aspecto está na contramão da Câmara e de seu mandato.

 

Vereador Lucas Santos Vicente preocupado com as condições de trabalho dos garis pediu atenção especial, para que estes trabalhadores possam ter direito a um local específico para almoço e lanche e acredita que o Legislativo juntamente com o Executivo pode fazer mais pelos menos favorecidos. Pediu a viabilidade de casas populares e mais emprego a população.

 

Vereador Marcos Rezende Amaro fez coro e parabenizou à oratória do Ver. Eduardo, quando este externou sobre algumas pessoas da equipe de governo, que não tem respeitado, devidamente, os vereadores e que este problema vem na contramão da lisura do prefeito. Falou da viabilidade de emenda no projeto para construção de uma quadra na escola do Residencial, com apoio de um deputado do PPS. Sobre emprego questionou se é por legalidade ou ação política que tem priorizado pessoas de fora, para trabalharem nas empresas da cidade, com salários melhores.

 

Vereador Nilton da Cruz Ramalho (Niltinho da Policlínica) como parte das pautas em discussão falou sobre sua indicação de melhorias na Rua Manuel Pereira e falou como ficaria a situação do funcionalismo público. O prefeito disse que em quatro anos houve aumento de salários, ma que vai analisar juntamente com o SINDICON para saber o que pode ser feito, porém não vislumbra aumento devido à crise.

 

Vereadora Patrícia Fernandes Monteiro ao saber que alguns alunos de escolas não concluíam seus cursos, por indecisão vocacional achou prudente encaminhar minuta de projeto de lei, ao Executivo, onde solicita a viabilização de testes vocacionais para estudantes do município. Falou sobre a necessidade de mais diálogo entre Executivo e Legislativo. Sobre o imóvel antigo e mais conhecido como Hotel do Jucão pediu instauração de procedimentos administrativos para possível desapropriação do espólio do Sr. José Pereira Flores Belo e adiantou que o local está infestado de pragas urbanas.

 

Vereador Vagner Luíz de Souza disse que fez visita técnica ao Pequeri e verificou algumas necessidades, pedindo ao Executivo: rede de energia elétrica; guarda corpo, muro gabião e alargamento da passagem de pedestres da ponte situada no bairro, luminária, viabilização da construção de uma área de lazer e pontos de ônibus na Rodovia 040, entre os Bairros Vila Marques e Gagé. A respeito dos garis que presta serviço na cidade acredita que melhores condições de trabalho pode melhorar. Segundo Ver. Vagner esta classe trabalhadora come debaixo de marquise e pedi que faça se possível um aditivo ou um convênio para minimizar estes problemas.Questionou sobre a instalação do Corpo de Bombeiros, na cidade.

 

Zelinho - Prefeito Municipal fez um apanhado geral do que já foi feito em seu mandato e das benfeitorias que ocorrerão na cidade de forma contínua. Falou sobre restauração de peças artísticas das igrejas como a Igreja da Matriz de N. Sra. da Conceição e comunicou que ela(a igreja) foi revitalizada e inaugurada, dia 30 de março, as 10h. Aguarda o TAC do MP para parceria e investimento, para a reconstituição da Igreja Matriz de São Jose Operário. Comentou sobre as obras que já foram feitas como: capela- velório do Alto Maranhão; campos de futebol; seis ginásios; sete UBSs; creche do Jardim Profeta e Alvorada; reconstrução da escola M. Jair Elias, no Santa Mônica, entre outras e afirmou que sua meta para 2017 é também concretizar a fase dois da AV: Contorno Norte.

 

Zelinho respondeu aos vereadores sobre vários temas. Sobre a instalação do Corpo de Bombeiros disse que todas as exigências impostas pela corporação foram feitas, mas que houve problema de transição de governo e a resposta será do Corpo de Bombeiros. Falou sobre previsões de áreas de lazer, praças e quadras no Lamartine, Residencial e Lucas Monteiro e mais escolas ao entorno do Casa de Pedra. Sobre os sinais digitais disse que as emissoras de TV são responsáveis pelas instalações e que ficará em torno de 1 milhão de reais. Disse que pretende construir 500 casas populares. Há previsão de verbas do TAC do MP, Governo Federal e Estadual, cerca de 1 milhão de reais, para reforma da Basílica. Falou que o maior investimento de seu mandato é feito nas áreas da educação - incluindo contratação de 40 vigilantes para as escolas, mais creches integrais e na área da saúde - já começou a construção dos dez leitos de CTIs, no Complexo Hospitalar. A respeito do Hospital Bom Jesus disse que não interfere nas decisões do corpo diretório, mas que fará uma reunião com os mesmos para apurar os fatos e que esta intervenção foi necessária, porém provisória. Tem acordo com a Vale de 5 milhões de reais para o hospital. Fará reunião no Esmeril sobre Viação Profeta.Disse que resolveu problema de enchente, na Praia. Sobre nepotismo está sendo apurado. Sobre segurança disse que a PMC tem convênio com a PM e Civil, MP e que o projeto Olho Vivo será possivelmente implantado, para coibir a criminalidade. Sobre camelôs disse que houve denúncias do MP, pois não havia espaço para cadeirantes passar no local e que é decisão do MP arrumar esta área. Comentou que Jeceaba será asfaltada até Sta. Quitéria. Zelinho afirmou que fará reuniões com vereadores, secretários e/ou representantes do Governo, para encurtar as relações e finalizou: “2016 foi um mandato abençoado...Trabalhamos de mãos dadas com a Câmara...Na saúde, educação e social os avanços foram enormes. Professores tem remuneração, planos de cargos e salários... não houve atraso... O Museu que deu nova vida a cidade...Artista elogiando...Estamos sendo reconhecidos...Tenho força que agora no 2° mandato, pela experiência e erros que aprendemos. Peço que fiscalizem( vereadores) e vejamos a regularidade...Coloco-me a disposição de todos os vereadores, com respeito, ética e transparência...O Governo precisa da Câmara e a Câmara precisa do Governo. Estarei presente sempre que for solicitado. Congonhas é que ganha com isso”.

 

Fonte: Rita Cordeiro/Assessoria de Imprensa/CMC

topo
voltar
linha
CÂMARA MUNICIPAL DE CONGONHAS
Rua Dr. Pacífico Homem Júnior, 82, Centro - Fone: (31) 3731-1840
Why Digital - 2009
Congonhas - Minas Gerais - Brasil
congonhas@camaracongonhas.mg.gov.br